Tradutor

sábado, maio 10, 2014

Países ricos mais ricos ... países pobres desaparecem

O artigo mais lido neste blog PPP Lusofonia questionava  (Testing the Limits of Divergence,  Dezembro 2011) até onde podia agravar-se a divergência dentro da União Europeia  até que rompessem  os laços que nos  unem. VER http://ppplusofonia.blogspot.pt/2011/12/eurozone-crisis-tests-limits-of.html 

Passados quase 3 anos, temos uma resposta de leitura obrigatória para todos os decisores, e todos os eleitores que questionam se a União Europeia continua a ser parte da solução ou se virou parte do problema.  

Trata-se de um artigo aterrador publicado no Der  Spiegel  sobre a aldeia Slivo Pole, na Bulgaria que está a mudar-se, carrinha a carrinha,  para a Alemanha.  

Kurt,  o angariador de trabalhadores temporários, era negociante de gado na aldeia até  2007, quando a  Bulgaria aderiu à União Europeia, quando o leite das suas vacas perdeu valor, de repente...
( -- when the milk from Kurt's cows suddenly became worthless).  
Agora tem um novo negócio com um sócio,o  "homem da carrinha":  a transportar os seus vizinhos de aldeia,  cada vez mais fantasma, para a Alemanha.  

É para isto que estamos na União Europeia ? 
Sem mecanismos de ajustamento e reequilíbrio partilhado na EU, os países ricos ficam mais ricos e os países pobres ... desaparecem.

Com uns ganhar muito e outros a perder muito, na média até estamos modestamente bem, como mostram as "estatísticas europeias".  
Até à rotura. 

Mariana ABRANTES de Sousa
PPP Lusofonia 

---------- Forwarded message ----------
From: SPIEGEL ONLINE 
Date: 2014-05-09 17:43 GMT+01:00

SPIEGEL ONLINEINTERNATIONAL NEWSLETTER 

Compiled on May 09, 2014, 06:17 PM CET

'FRESH MEAT'

A Bulgarian Businessman Moves His Village to Germany

Two Bulgarians -- a former cow trader and a mini-bus driver -- are moving their village piece by piece to Hamburg. It is good business for them, but their customers don't always get what they bargained for.