Tradutor

terça-feira, maio 20, 2014

Má regulação alimenta a crise

Apesar de ser considerado politicamente incorrecto, vai aparecendo algum consenso entre os analistas que as falhas de regulação e supervisão bancária estão na origem da crise financeira em geral e da crise da Eurozone em particular.  Os fluxos de capitais que se movem à velocidade de um click foram canalizados para divida soberana dita risk-free, com ponderação zero para efeito dos rácios de capital, segundo as normas  de Basileia que se revelaram bastante imprudentes.  

Em Portugal, a supervisão bancária não evitou fraudes em alguns bancos e excessos de alavancagem  em todo o sistema financeiro, agravando os riscos para todos nós.

Mas as falhas de regulação continuam.  Enquanto as empresas reclamam a falta de crédito à produção e pre-exportação, são autorizados novos "bancos" estrangeiros dirigidos ao crédito ao consumo, que em Portugal significa bens duráveis importados.

Sabemos porque é que os produtores de carros querem fazer credito automóvel em Portugal.
O que não se entende, é porque é que o Banco de Portugal o facilita.
VER http://www.audibank.pt/content/sites/audibank/bancoaudi_com_pt/pt/home.html
  Audi Bank, marca registada e licenciada a Volkswagen Bank GmbH - Sucursal em Portugal