Tradutor

quinta-feira, outubro 13, 2016

Conferência Guiné Bissau, 20-Outubro, Uni. Lusófona Lisboa

Resultado de imagem para bandeira bissauConferência «Guiné-Bissau: Porta de Entrada da Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental»

A Câmara de Comércio e Indústria Portugal Guiné-Bissau (CCIPGB), a Embaixada da Guiné- Bissau, a Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias e o Observatório Lusófono de Actividades Económicas (OLAE), com o apoio da RTP África e da AICEP Portugal Global,promovem a 
Conferência internacional intitulada «Guiné-Bissau – A Porta de Entrada da Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental» 
Data:   20-Outubro-2016 
Local:  Auditório Agostinho da Silva da Universidade Lusófona
Alguns temas abordados na conferência; 
A taxa de bancarização da Guiné-Bissau é de apenas 20%.  Crédito mal parado está a ser reduzido. 
Portugal é o segundo fornecedor depois do vizinho Senegal. Os países da CPLP importantes nas exportações portuguesas. 
Carvão continua a ser o principal combustível utilizado nas cozinhas guineense.  
Guiné-Bissau precisa de um porto de águas profundas.   
O ajuda ao desenvolvimento vai  passar de apoio orçamental geral para o financiamento de projetos específicos,  o financiamento por resultados (results based financing).  Isto implica a necessidade de eleborar projetos que respondem às necessidades das populações e acompanhar e avaliar a sua execução. 
Vai ser publicado brevemente um Guia de Investimento na Guiné-Bissau.  
A instabilidade politica não se reflecte em instabilidade social.  
Ver mais noticias em   http://dinheirodigital.sapo.pt/news.asp?id_news=255900 
Conferência «Guiné-Bissau: A Porta de Entrada da Comunidade Económica dos Estados da África Ocidental»