Tradutor

terça-feira, novembro 26, 2013

O nosso mercado será a Lusofonia

 Um dos objectivos deste blog PPP Lusofonia desde que foi criado em 2006 era de escrever sobre economia e finanças em português para compensar os 80% de conteúdos da Internet que estão em inglês.  Depois apareceu a crise de endividamento externo, e tornou-se necessário escrever em inglês "para credor ver"  e e defender os nossos interesses como devedores.  

Entretanto apareceram artigos sobre o valor económico da língua portuguesa (ver abaixo) e até algumas ameaças de abandonar a Lusofonia quando esta se torna inconveniente. 

A importância económica dos blocos linguísticos é bastante conhecida.  Um artigo recente no The Economist diz que antigos laços coloniais como a  língua e o enquadramento jurídico comum promovem o comércio. Mais, o artigo estima que o custo de fazer negócios entre os países anglófonos da Commonwealth é 20% mais baixo do que fora desse bloco.  

Obviamente os blocos linguísticos não são todos iguais, e nem todas têm essas vantagens.  A lusofonia sofre de falta de integração e de consolidação de relações económicas e culturais.  E sofre sobretudo de níveis de alfabetização relativamente baixos. 

Fernando Pessoa dizia "a minha pátria é a lingua portuguesa".  
Será que algum dia poderemos dizer "o nosso mercado é a Lusofonia"?